Em São Paulo, Yandra Moura debate participação feminina na política através do Projeto ‘Defesa Lilás’

A deputada federal Yandra Moura, vice-líder do União Brasil na Câmara e coordenadora do Observatório Nacional da Mulher na Política, esteve em São Paulo neste fim de semana para participar do lançamento de um workshop e ministrar três painéis do projeto ‘Defesa Lilás’, que visa o fortalecimento das mulheres na política.

O ‘Defesa Lilás’ é um programa nacional do União Brasil que tem como objetivo promover e difundir a participação política das mulheres, atuando na formação de lideranças em todo o país. A deputada sergipana apresentou para um grupo de mulheres paulistas painéis que abordaram a defesa da mulher, segurança plena e a qualidade de vida das brasileiras.

“É de grande importância ampliar temas como estes, principalmente agora que estou exercendo a função de coordenadora do Observatório Nacional da Mulher na Política. Eu acredito que o programa ‘Defesa Lilás’ tem um potencial renovador. Por isso, se em cada município tivermos uma embaixadora, uma liderança feminina que realmente se importe, vamos avançar na representatividade feminina e nas políticas públicas mais humanas, que não apenas valorizam a mulher, mas também melhoram a vida de todas”, ressaltou Yandra.

O ‘Defesa Lilás’ aposta na formação política para mulheres, contando com uma plataforma de Ensino a Distância e um ambiente digital colaborativo onde a inteligência artificial auxiliará no desenvolvimento de ideias.

Em São Paulo, o ‘Defesa Lilás’ também contou com as presenças do vice-presidente nacional do União Brasil, Antônio de Rueda, da tesoureira do União Brasil, Maria Emília de Rueda, dos deputados federais Kim Kataguiri (SP) e Alexandre Leite (SP), da deputada estadual Solange Freitas (SP), da vereadora por São Paulo, Sandra Tadeu, e demais lideranças.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post

Projeto aprovado prorroga prazos para renegociação de dívidas de crédito rural

Next Post

Comissão aprova projeto que isenta pessoa com deficiência de IPI na compra de trator

Related Posts